Pular para o conteúdo
RP e jornalista são as profissões estressantes de 2016

RP e jornalista são as profissões estressantes de 2016

Compartilhe

Os tempos mudaram e nós vivenciamos isso dia após dia através da difusão de novas ideias, profusão de tecnologias e mudanças sociais. O trabalho também tem mudado. Novas profissões brotam dentro deste cenário fértil, que exigem mais habilidades e principalmente dinamicidade na hora de executar suas atribuições. Dentro desta nova perspectiva, outros empregos ganham espaço no mercado e também se destacam por oferecer boa remuneração e, de quebra, um alto nível de estresse.

Uma recente pesquisa feita pela Carrer Cast, mostrou que uma profissão, até não tão comentada como estressante, vem se destacando e tomando o ranking na escala de estresse: Relações Públicas, sendo acompanhada também pelas profissões de Radialista e Jornalista. Estas três profissões ocupam atualmente o 6º, 8º e 9º lugar em uma lista dos dez trabalhos mais enervantes. Vale salientar que este estudo funciona como uma projeção, revelando uma previsão das profissões que vão proporcionar alto nível de estresse em 2016. Além das já citadas, figuram ainda Recruta Militar (1º), Bombeiro (2º), Piloto de Avião (3º), policial (4º), coordenador de eventos (5º), executivo corporativo (6º), e taxista (10º). Para mensurar o nível de estresse dessas profissões, foram levados em conta o ambiente de trabalho, a renda envolvida, o potencial de crescimento do trabalhador dentro daquela função/ instituição, o nível de exigência física e finalmente, o estresse.

Relações públicas, Radialista e repórter de jornal entre as profissões mais estressante. E agora?

Deadlines, busca interminável por novos conteúdos, comunicação responsável, competitividade, disponibilidade e entrega. Estes são só alguns dos fatores em comum a estas ocupações. São profissões que sofrem grande cobrança e também grande exposição. Mais cedo, pensando nesta mesma temática, criamos um post para dar dicas de como abraçar a produtividade no trabalho e evitar o stress. Vale a pena a leitura.

Você é jornalista e precisa fazer clipping?

Se você tem um dia-a-dia estressante e trabalha com clipping, otimize seu tempo com o Klipbox. Trata-se de um sistema criado para proporcionar um resultado completo organizado e rápido na sua busca de clipping. São mais de 30 mil fontes de pesquisa – nacional e internacional – que realizam a catalogação e expõem os resultados de forma prática, fácil e objetiva, a partir de gráficos completos, prontos para uma análise clara e direta.

Conheça mais sobre o Klipbox em http://www.klipbox.com.br/

 

Conteúdo publicado via Publicaí

Inscreva-se no Newsletter

Mais recentes

Fique por dentro de tudo que acontece no Marketing de Comunicação

Cadastre-se e receba nossos artigos e materias em primeira mão!